A tirania de Alexandre de Moraes é repugnante

A tirania de Alexandre de Moraes é repugnante

‘Toda tirania deve ser afastada, inclusive a tirania da maioria que elege o Executivo e o Congresso’ disse o tirano Alexandre de Moraes

Quem lê a frase acima com pressa, pode chegar a conclusão de que o ministro do STF Alexandre de Moraes quer combater a tirania. Não, não é isso. O que está explicito na frase é o desejo de um ministro, com laivos de autoritarismo, em eliminar o pouco de democracia que ainda nos resta, afinal, é exatamente isso que acontece quando a vontade da maioria, expressa nas urnas, é atacada.

E aqueles que se calam diante de uma fala tão escabrosa como a dita por Alexandre de Moraes, é tão repugnante quanto a tirania defendida pelo ministro. Aonde estão os senadores da República? Aonde estão os editoriais dos grandes jornais? Se calam? Por medo, covardia ou conivência?

De fato, se algo parecido fosse dito pelo presidente Jair Bolsonaro, teríamos uma onda de manifestações, lamúrias e pedidos de impeachment. Quem pedirá o impeachment de Alexandre de Moraes? Ou seja, é a hipocrisia somada ao oportunismo rasteiro e mequetrefe.

Por óbvio, que a hipocrisia e o oportunismo são características dos tiranos e isso não falta ao ministro do supremo. O noticiário dá conta de que Alexandre de Moraes suspendeu um depoimento que Aécio Neves prestaria à justiça. O deputado federal Aécio Neves é investigado por suspeita de corrupção e peculato. A suspensão do depoimento do político mineiro foi aplicada porque Alexandre de Moraes concordou com as alegações da defesa de que a justiça de Minas Gerais não havia compartilhado depoimentos e provas.

Aécio Neves é um grão tucano. Alexandre de Moraes por anos, serviu ao tucanato paulista. Só por isso, o ministro deveria se considerar suspeito de pautar alguma ação envolvendo figuras do PSDB. Mas, como já afirmamos, a hipocrisia é uma característica dos tiranos.

Ainda assim, a priori, é correto o entendimento de que a defesa precisa ter acesso a todos os dados acusatórios contra seu cliente. Todavia, o mesmo Alexandre de Moraes que chega a esse entendimento em relação à figura graúda do PSDB, Aécio Neves, é o mesmo que negou esse direito a Allan dos Santos, Bernardo Kuster, Abraham Weintraub e Carla Zambelli.

Conclusão

A tirania é repugnante. A hipocrisia é repugnante. Mas Alexandre de Moraes tem se refestelado com ambos.

Por Jakson Miranda

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *