Augusto Aras reabre inquéritos contra Rodrigo Maia

Augusto Aras reabre inquéritos contra Rodrigo Maia

"Governador participa de reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia." é licenciada sob by Governo do Estado de São Paulo CC BY 2.0

Com aval de Fachin, Augusto Aras reabre inquérito contra Rodrigo Maia sobre corrupção

Augusto Aras, por meio da PGR, unificou e reabriu duas investigações sobre pagamentos da OAS ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

A medida vai de encontro de uma decisão do ministro Edson Fachin, do STF, que autorizou a solicitação, em despacho na quinta-feira (28). Em outras palavras, o magistrado determinou o envio dos autos à Polícia Federal (PF) para a reabertura das investigações, em caso que tramita sob sigilo, aponta o O Globo.

Assim, um dos inquéritos se baseia em trocas de mensagens entre o demista e Léo Pinheiro, ex-presidente da construtora. A PF concluiu a investigação em 2017 e apontou a existência de indícios do crime de corrupção passiva envolvendo Maia.

Nesse sentido, pesa contra Maia a acusação de beneficiar a OAS em uma Medida Provisória em troca do recebimento de doações eleitorais. Além disso, um segundo inquérito investiga supostos repasses de caixa dois da empresa a Maia, com base na delação premiada de funcionários do setor de contabilidade paralela da empreiteira.

Todavia, apesar de todos esses indícios contra Rodrigo Maia, ambos inquéritos foram arquivados na gestão de Raquel Dodge, ex-titular da PGR.

Com informações da Gazeta do Povo

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *