Gloria Maria sobre racismo: ‘hoje tudo é preconceito’

Gloria Maria sobre racismo: 'hoje tudo é preconceito'

Por Tonny Campos. CC BY-NC-SA 2.0

Ao falar sobre racismo e o politicamente correto, Gloria Maria disse: ‘Hoje tudo é preconceito, assédio, está chato’.

A jornalista Gloria Maria criticou o que chamou de “politicamente correto” incluindo aí o racismo, durante entrevista no último sábado, 26.

As declarações vieram após a seguinte pergunta de Joyce: “Nesses últimos anos, a TV mudou muito. Se modernizou, seriados, séries… Junto com isso, explodiu essa questão do assédio moral e do assédio sexual. Provavelmente, devia existir, mas, hoje em dia, está tudo muito na vitrine, né?”

Gloria Maria respondeu: “Se você quer saber, eu acho isso tudo, basicamente, um saco. Por exemplo, hoje, tudo é racismo, tudo é preconceito… Eu, até hoje, na TV, tenho meus câmeras antigos, os técnicos que estão comigo há 40 anos, todos me chamam de ‘Neguinha’. Eu nunca me ofendi, nunca me senti discriminada. Me chamam de uma maneira amorosa, carinhosa. É claro que se falam ‘Ô, nega’, não sei o quê, é outra coisa.”

“Então, hoje, tudo é preconceito, tudo é assédio. Está chato. Estou há mais de 40 anos na televisão. Já fui paquerada muitas vezes, mas nunca me senti assediada moralmente. Acho que o assédio moral é uma coisa clara, não tem dubiedade. Não tem como você interpretar. O assédio é uma coisa que te fere, é grosseiro, te machuca, te incomoda, te desmoraliza”, continuou.

Por fim, Gloria Maria concluiu: “Acho que esse mundo está muito chato. Essa coisa do politicamente correto é um porre. Eu não sou politicamente correta e não vou ser, não adianta, não venho de um mundo politicamente correto.”

Com informações do Portal Terra

Caso a Gloria Maria seguisse politicamente correto, teria “lacrado” para cima do Freddie Mercury

Da Redação

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *