Maioria do STF vota pela permanência de Renan Calheiros

Maioria do STF vota pela permanência de Renan Calheiros na presidência do senado, mas fora da linha sucessória numa eventual ausência ou impedimento de Temer e Rodrigo Maia. Ou seja, o STF legislou uma jabuticaba que em curto prazo não trará dor de cabeça, já que Renan está em final de mandato. E no futuro?

Mas em se tratando de Supremo, com a atual composição, a decisão de hoje não surpreende. O que pode nos causar certa surpresa é que a decisão de hoje, na realidade não foi tomada hoje, mas sim, ontem.

Leiam o que noticia o site da Isto É

Por volta das 22 horas de ontem, terça-feira 6, um interlocutor muito próximo do presidente Michel Temer já indicava tranquilidade sobre o desfecho confirmado nesta quarta-feira 7 pelo Supremo Tribunal Federal, que manteve Renan Calheiros na presidência do Senado por seis votos a três. “A solução vai ser salomônica. Renan vai ficar, mas com ressalvas”, disse, com sorriso seguro, o interlocutor do presidente. A maioria dos ministros atendeu ao apelo do Senado e do Planalto para manter o peemedebista no cargo, e retirá-lo da linha sucessória da presidência da República, e assim garantir a votação da PEC do teto.

Encerramos

Traduzindo, caro leitor. As falas de Rodrigo Janot, do advogado da Rede Sustentabilidade, as falas do advogado do senado, do ministro Marco Aurélio Mello e de seus pares, não passaram de teatro.

Na hipótese de que Rodrigo Janot não sabia que a decisão já havia sido tomada no dia anterior, assim como os dois advogados, então, foram feitos de palhaços.

De todo modo, a mensagem que se passa à sociedade é que a independência dos Poderes no Brasil não passa de uma doce ilusão. Às favas com essa tal de democracia! Às favas com essa coisa de principio republicano! O que importa é a “estabilidade” política.

Não é possível alguém em sã consciência aplaudir a decisão tomada, pois. quando se lê que a maioria do STF vota pela permanência de Renan Calheiros, se descobre, na verdade, que foi uma decisão política e não jurídica, sendo esta última e somente ela, o que se espera do Supremo.

Por tal decisão, é oportuno reproduzir aqui uma frase que exemplifica bem o atual estado de coisas:

“Para fechar 2016 com chave de ouro, STF torna Eduardo Cunha um grande injustiçado”.

O que nos reserva 2017?

Por Jakson Miranda

2 thoughts on “Maioria do STF vota pela permanência de Renan Calheiros

  1. Meus caros, gostaria de saber a opinião de vcs a respeito da Monarquia Parlamentarista.
    Me parece uma saída para o pais. Ter um chefe de estado nascido e criado para isso. Que pensa na próxima geração e não na próxima eleição. Um 4º poder, Moderador, apartidário.
    A República nunca funcionou, e ainda por cima é ilegítima. Quem sabe assim o Brasil voltaria a ser respeitado, como na época do Império.
    Infelizmente não creio que a mente brasileira, corrompida pela esquerda há anos, entenderia os prós de uma Monarquia, mas enfim, gostaria de saber vossa opinião.
    Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *