Ministro Nunes Marques relatará ação sobre impeachment de Moraes

Ministro Nunes Marques relatará ação sobre impeachment de Moraes

STF é licenciada por Palácio do Planalto CC BY-NC-SA 2.0

Caberá ao ministro Nunes Marques determinar ou não ao senado, discutir o impeachment de Alexandre de Moraes

O ministro Nunes Marques, do STF, será o relator do mandado de segurança protocolado hoje pelo senador Jorge Kajuru. Trata-se, do mandado que tenta agilizar a análise do pedido de impeachment de Alexandre de Moraes. Conforme já noticiado, tal pedido fora apresentado e enviado em fevereiro ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

Portanto, o objetivo de Kajuru é obrigar Pacheco a “promover o imediato andamento da denúncia” feita contra Moraes. Desse modo, o senador quer que a leitura da acusação seja na próxima sessão da Casa. Além disso, quer que seja eleita uma comissão especial para analisar o caso.

Leia também:

Kajuru divulgou áudio com o Bolsonaro e isso não é boa coisa

Governador patife? Difícil saber qual deles é o maior – Deixe seu voto!

Presidente do TSE Roberto Barroso é contra o voto impresso

O senador Kajuru queria que Luís Roberto Barroso julgasse seu mandado de segurança, pois o ministro foi o responsável por determinar a instalação da CPI da pandemia no Senado. “É a máxima popular: ‘Pau que dá em Chico, também dá em Francisco”, argumentaram os advogados do senador.

Todavia, a ação foi atribuída ao ministro Nunes Marques. Isso significa que, em um primeiro momento, os técnicos do STF não viram ligação entre o pedido para obrigar a instalação da CPI, feito por vários senadores, e o de abrir uma investigação contra um ministro do STF, feito por um único senador.

Em conclusão, Nunes Marques ainda pode ter entendimento diferente e, no momento de decidir, avaliar que há relação entre as duas ações.

Por Jakson Miranda

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *