Novos decretos de armas, flexibilizam regras

Bolsonaro publica novos decretos de armas que flexibilizam regras

Presidente Bolsonaro publica novos decretos de armas que flexibilizam regras

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicou, em edição extra do Diário Oficial da União, novos decretos que alteram a regulamentação sobre armas no Brasil. As medidas flexibilizam os limites para compra e estoque de armas e cartuchos para pessoas autorizadas pela lei.

“O pacote de alterações dos decretos de armas compreende um conjunto de medidas que, em última análise, visam materializar o direito que as pessoas autorizadas pela lei têm à aquisição e ao porte de armas de fogo e ao exercício da atividade de colecionador, atirador e caçador, nos espaços e limites permitidos pela lei”, informa o governo federal em nota.

Bolsonaro já havia anunciado a intenção de editar novos decretos sobre armas logo após a vitória de seu aliado Arthur Lira (PP-AL) na disputa pela chefia da Câmara. Como o presidente da Casa tem a prerrogativa de colocar ou não determinados temas para discussão e votação, o chefe do Executivo federal tem a expectativa de conseguir emplacar leis que flexibilizam as regras de porte e posse de armas no país.

Promessa de campanha de Bolsonaro, a flexibilização do porte de armas e munições acompanha o presidente desde que ele assumiu o cargo.

Com informações do UOL

Finalizo

No inicio de seu governo, Bolsonaro tentou aprofundar nessa pauta. No entanto, contou com a oposição do então ministro Sergio Moro, além, é claro, da grande mídia e do presidente da Câmara Rodrigo Maia.

Ademais, sobre o debate relacionado a posse de armas é sempre oportuno lembrarmos da frase proferida por Bolsonaro na reunião que Moro fez questão que se tornasse publica: “Eu quero todo mundo armado. O povo armado jamais será escravizado

Cabe agora a Athur Lira, mostrar a que veio. Irá atender um desejo da população, do cidadão de bem, ou irá se render a estridência da mídia?

Por Jakson Miranda

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *