Para Bolsonaro, está na hora do país dar “novo grito de independência”

Para Bolsonaro, está na hora do país dar novo grito de independência

"06/10/2019 Cerimônia comemorativa aos 20 anos de criação do Ministério da Defesa e imposição da Ordem do Mérito da Defesa" é licenciada sob pelo Palácio do Planalto CC BY 2.0

Ao chamar alguns governadores de pseudo ditadores, Bolsonaro afirmou que país deve dar “novo grito de independência”

O presidente Jair Bolsonaro nesta segunda-feira criticou governadores, chamando-os de “pseudo ditadores” por terem adotado medidas de restrição de circulação por causa da pandemia. Além disso, o presidente afirmou que está na hora do Brasil dar “seu novo grito de independência“.

Desse modo, em cerimônia na Bahia, o presidente afirmou que não se pode admitir que “alguns governadores imponham uma ditadura no país“. E emendou, “Está chegando a hora de o Brasil dar seu novo grito de independência“.

Leia também:

Oscar 2021 teve discurso contra o trabalho da polícia

Arapongagem na Esplanada – Quem deseja grampear o governo?

Nesse sentido, Bolsonaro ainda previu um fim rápido para a situação vivida pelo país hoje, de restrições de circulação e crise econômica.

Esse suplício está chegando ao fim. Logo voltaremos à normalidade“, disse.

Por fim, no evento, Bolsonaro cumprimentou centenas de pessoas. O evento de inauguração da duplicação era fechado à população. Porém, o próprio presidente revelou, em seu discurso, que pediu que fosse aberto para entrada das pessoas que o esperavam.

Em outras palavras, Bolsonaro é um presidente que gosta do povo. E o povo gosta do presidente. Assim, que esse povo dê um novo grito de liberdade

Por Jakson Miranda

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *