Suspeição de Moro: Gilmar Mendes ataca ex-juiz

Gilmar Mendes, ministro do STF, proferiu seu voto favorável à suspeição de Sergio Moro

Gilmar Mendes, ministro do STF, proferiu seu voto favorável à suspeição de Sergio Moro

O ministro do STF Gilmar Mendes, justificou seu voto sob a alegação de que Moro havia sido parcial ao julgar o ex-presidente Lula.

O pedido de suspeição de Moro chegou ao Supremo em 5 de novembro de 2018. A suspeição do ex-juiz começou a ser julgada pela Segunda Turma em 4 de dezembro de 2018. Na ocasião, Edson Fachin e Cármen Lúcia votaram pela rejeição do pedido.

Mendes pediu vista (mais tempo para analisar o processo) e suspendeu o julgamento. Na última terça, Mendes apresentou o voto.

Em seu voto, o ministro do STF atacou a biografia do ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro. Mendes relembrou todas as decisões de Moro no âmbito da Lava Jato, ressaltando que suas decisões não seguiram o rito legal.

Assista o vídeo.

 

Por Jakson Miranda

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *